Nosso Trabalho de Cada Dia

Nosso Trabalho de Cada Dia
by

O trabalho tem um lugar mais central e crucial em nossa vida do que imaginamos. A maioria de nós vai investir cerca de 80 mil horas da nossa vida em nosso trabalho. Além disso, todos os nossos anos de estudo são na verdade uma preparação para nossa profissão. Os anos de estudo da escola, a faculdade, todos os cursos e treinamentos. Em média, as pessoas estudam cerca de 15 anos para entrar na vida profissional. Nosso trabalho é a fonte de nosso sustento e por isso está enlaçado com nossa vida familiar, com nossos bens materiais, nosso casamento, nossos filhos, as contas, o aluguel, o supermercado. O trabalho não apenas nos dá o sustento financeiro, mas ao mesmo tempo a sociedade só existe e é mantida pelos diversos trabalhos que se encontram e se complementam. Imagine que todos os motoristas, policiais, funcionários da rede elétrica e das telecomunicações abandonassem seus postos no mesmo instante. A sociedade entraria em colapso apocalíptico em poucas horas. Apesar disso tudo, é difícil para nós respondermos algumas questões que estão no entroncamento dessa área de nossa vida com outra área essencial e fundamental de nossa existência: nossa fé.Afinal, qual é a relação entre a minha fé e o meu trabalho? O fato de eu ser cristão muda a maneira como faço o meu trabalho? A única forma de servir a Deus no mundo é por meio do ministério? Como posso escolher uma profissão que glorifique a Deus? Como posso integrar meu trabalho e minha fé de tal maneira que eu possa saber que estou glorificando a Jesus com o meu trabalho?
Precisamos urgentemente lembrar que o Evangelho tem a ver com todas as áreas de nossa e transforma todas elas, incluindo obviamente nosso trabalho: “Quer vocês comam, bebam ou façam qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus” (1Co 10.31). Ao longo dessa nova série de reflexões vamos relembrar que o trabalho é um dom do Eterno e deve ser para sua glória.

Pr. Jeferson C. Alvarenga.

share

Recommended Posts