A maior bênção de Deus!

A maior bênção de Deus!
by

Somos uma geração de viciados em bênçãos. Mas afinal, qual é a maior bênção de Deus pra nós? Logo pensamos em rios de dinheiro, carro na garagem, família, saúde, trabalho e mais um bocado de coisa boa. Se formos um pouco mais espiritualizados podemos até citar o céu, a salvação, a paz interior e coisas do tipo. Mas e se eu te disser que tudo isso é fichinha perto da verdadeira bênção de Deus para nós?

Jonathan Edwards, grande pastor e teólogo norte americano, em seu famoso sermão intitulado “A luz divina e sobrenatural de Deus” afirma que a grande bênçao de Deus para o cristão é a “percepção real da excelência de Deus e de Jesus Cristo […] a visão do encanto e da beleza de sua santidade e sua graça”. Para Edwards, a maior bênção que Deus nos dá em Cristo é Cristo. John Piper, em seu famoso livro “Em Busca de Deus”, afirma que “é antibíblico e arrogante tentar adorar a Deus por qualquer outra razão que não o prazer de estar n’Ele”.

Esta é uma ideia provocativa: a maior bênção de Deus para nós é que Ele mesmo se deu a nós em relacionamento por meio de Cristo Jesus na cruz do calvário. Mas de onde esses caras tiraram essa ideia? Direto da teologia da Reforma Protestante. João Calvino afirmou que nós não buscamos em Cristo algo que não seja o próprio Cristo. A maior bênção que herdamos por meio do sacrifício de Jesus na cruz não foi o céu, a salvação, a paz, a prosperidade ou qualquer outra coisa: foi o próprio Jesus, pois Ele se deu a nós em relacionamento e agora podemos entrar no Santo dos santos para estar em sua presença. Talvez muitos dirão: “Só isso? Isso é tudo? Não tem nada melhor?” Bem, para esses digo o seguinte: o problema certamente não está em Cristo, mas no cristo falso e pequeno, tacanho e sem graça que você conhece. Já é tempo de conhecer o Redentor amoroso e glorioso que nos salvou ao morrer em nosso lugar. Solus Christus!

Pr. Jeferson C. Alvarenga

share

Recommended Posts