Doutrina

Em que se baseiam as doutrinas da IPB?

  • Nossa Igreja adota, como exposição das doutrinas bíblicas, a Confissão de Fé de Westminster, o Catecismo Maior e o Catecismo Menor ou Breve Catecismo. Contudo, deve ficar bem claro que a nossa única regra infalível de fé e prática é a Escritura Sagrada. Adotamos a Confissão de Fé e os Catecismos como exposição do sistema de doutrinas ensinadas nas Santas Escrituras. Isto se fez necessário em virtude de a Bíblia não trazer as doutrinas já sistematizadas.
  • Breve Declaração de Fé

1. Cremos em um só Deus que subsiste em três pessoas: O Pai, Criador de todas as coisas visíveis e invisíveis; o Filho, que foi concebido por obra do Espírito Santo e nasceu da Virgem Maria, o qual morreu pelos nossos pecados e ressuscitou para nossa justificação; e o Espírito Santo, santificador das nossas almas e doador da vida.
.

2. Cremos que as Escrituras Sagradas do Velho e do Novo Testamento são a Palavra de Deus e a única regra de fé e prática dada por Ele à sua Igreja, e que são falsas e perigosas todas as doutrinas e cerimônias contrárias a essa Palavra, e todos os usos e costumes acrescentados à simples Lei do Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo.

.
3. Confessamos que fomos concebidos em pecado; que por natureza somos incapazes de cumprir perfeitamente a Lei de Deus, inclinados antes a amar e fazer o que esta Lei condena, tendo pecado muitas vezes por pensamento, palavras e obras.

.
4. Cremos firmemente que o sangue de Cristo purifica de todo o pecado, e que não há outro meio de alcançar o perdão e o poder santificador senão a graça de nosso Senhor Jesus Cristo e a obra do Espírito Santo, que Jesus dá a todo que lho pede, crendo n’Ele e invocando-O.

.
5. Estamos agora sinceramente arrependidos do mal que temos feito diante de Deus e resolvidos a fazer uso diligente de todos os meios de graça por Ele ordenados para o bem do seu povo, e a seguir os preceitos de sua Lei, deixando de fazer o que Ele nos proíbe em Sua Palavra, e fazendo toda a Sua vontade, auxiliados por Sua graça.

.
6. Prometemos que, como membros desta igreja, nos sujeitaremos sempre à sua disciplina, e às autoridades nela constituídas para seu ensino e governo, enquanto forem fiéis às Sagradas Escrituras.